segunda-feira, 23 de setembro de 2013

Um registo.

Um registo para a história da Transalp 30.000km todos realizados nas estradas Açoreanas.
Parabéns

Enviado do meu Windows Phone

sexta-feira, 20 de setembro de 2013

segunda-feira, 26 de agosto de 2013

Um passeio…

Num dia que até começou chuvoso e aproveitando uma abertura com o sol a aparecer a Transalp fez-se ao asfalto num passeio que não tinha destino. Rumou então à nova estrada dos Piquinhos lá para a “banda” da freguesia de São Pedro. Um passeio num tapete de asfalto novo é “coisa” sempre boa. No entanto, era inevitável a entrada no “barreiro da faneca”. Local onde a Transalp se sente bem. Como tinha chovido durante a noite e manhã espera-se um piso muito mais escorregadio. Para meu espanto o piso até estava bom. Já no barreiro fui à procura da entrada para a vista sobre a baia da cré, um lugar magnifico. Encontrada a entrada foi só seguir caminho por um terreno um pouco sinuoso mas bem conservado em termos de limpeza de bermas. Será com certeza um bom passeio pedestre. Fomos mesmo até ao topo rochoso com vista sobre a baia da cré e ilhéu das Lagoinhas. Uma vista fenomenal sobre os locais atrás referidos num fim de tarde muito bom.

Depois do regresso a casa e quando já nada fazia prever fomos incentivados a dar mais uma volta. Como a minha Transalp não é mota para não aceitar desafios de imediato pusemos novamente a caminho e a agora já na companhia da minha cara metade. Também sem trajeto previamente definido acabamos por ir parar à baia de São Lourenço, onde jantamos. Depois foi um regresso a Vila do Porto.

quarta-feira, 17 de julho de 2013

Último dia da viagem.

Como planeado o último dia da viagem foi passado na ilha de São Miguel 12-07-2013. A transalp rolou e romou com destino as Furnas mais especificamente à "poça da Beja". Depois de um belo banho na famosa àgua quente fomos ao encontro de um cozido à portuguesa. Restaurante "O Mirona" foi a nossa escolha. Depois de uns passeios pelas furnas com a paragem obrigatória junto as furnas do enxofre onde degustamos a tradicional massaroca de milho doce cozida nas águas quentes. Mais para o fim da tarde seguimos em direcção a Ribeira Quente onde decorria a Festa do Chicharro. Nesse local encontramos um amigo motard Mário que de imediato se prontificou a guardar os nossos capacetes e alguma bagagem. Desde já um agradecimento para a disponibilidade colocada embora não tenha ficado de todo surpreendido porque é este o espírito motard. Depois da actuação do último grupo de música da noite fomos em direcção à cidade de Ponta Delgada para tomar o barco com destino a Santa Maria com hora prevista de chegada pelas 10h30 do dia 13-07-2013.
A transalp fez um total de 420 km pelas várias estradas das várias ilhas sem qualquer problema. Sempre disposta a entrar em caminhos de terra. Não foi possível fugir para caminhos de terra porque nesta viagem a Transalp foi acompanhada por uma harley davidson.
Enviado do meu Windows Phone

sexta-feira, 12 de julho de 2013

Último dia ilha Terceira

Quinta feira 11-07-2013 último dia na ilha Terceira. Saida da Praia de Vitória com destino a Angra do Heroísmo. Passagem pela praça principal com destino a São Mateus. Um lugar muito bonito. De seguida fomos em direcção ao Monte Brasil.
A transalp contínua rolar sem qualquer tipo de problema.

Enviado do meu Windows Phone

quinta-feira, 11 de julho de 2013

4 dia viagem 3 dia ilha Terceira.


Hoje dia 10-07-2013 esteve de chuviscos. Para nossa sorte conhecemos uma excelente pessoa que nos levou à base militar das Lajes numa visita guiada cheia de cultura.
Depois da visita guiada o tempo melhorou um pouco na Praia da Vitória pelo seguimos com destino a Angra do Heroísmo onde fazia chuva. Paramos na Quinta dos Açores e por lá ficamos até uma nova abertura no céu quando já se fazia noite.
A Transalp continua queimar   asfalto sem nenhum problema.
Enviado do meu Windows Phone

quarta-feira, 10 de julho de 2013

3 dia ilha Terceira.

Mais um belo dia na ilha Terceira. Um passeio pela costa da ilha passando pela zona dos biscoitos e gruta do Algarve do Carvão. Paragem para almoço no restaurante "Caneta". Uma excelente refeição a um bom preço. Recomendo vivamente.
O Turismo é importante para qualquer economia pequena. Pena é alguns dos  pontos turisticos estarem fechados.
A transalp tem se portado lindamente.
Paulo Chaves
Enviado do meu Windows Phone

terça-feira, 9 de julho de 2013

segunda-feira, 8 de julho de 2013

2 dia viagem chegada Ilha Terceira.

A viagem persegue com destino final à ilha Terceira. Embora não fosse inicialmente esse o destino final. A honda Transalp tem feito quilometros mas infelizmente dentro do porão do navio que faz o transporte de pessoas e veículos entre as várias ilhas dos açores. Espera-se que nos próximos três dias a Transalp possa percorrer o asfalto das estradas da ilha Terceira.

Enviado do meu Windows Phone

domingo, 7 de julho de 2013

segunda-feira, 3 de junho de 2013

Revisão 27.000 Km

Em primeiro lugar quero agradecer ao João Filipe Faustino por fazer o favor de levar as peças conforme o combinado. Depois as peças apanharam o avião e vieram direitinhas as minhas mãos.
Já há algum tempo, ou melhor desde da altura que comprei a mota, que venho sentido algo estranho na direcção. Agora que já tem 27000 km estava na hora de efectuar uma revisão mais profunda. Primeiro desmontar a frente da Transalp algo que não é muito difícil. Depois encontrar o problema num das esferas da direcção mais precisamente nas debaixo as quais se encontravam completamente deterioradas. Essa era sem dúvida a causa do mau desempenho da mota durante estes anos. Encontrei as esferas com muita erosão e já fora do local próprio.
Difícil foi retirar as protecções que fazem parte das esferas e que estão embutidas na caixa de direcção. Principalmente quando não temos muito bem a noção do sistema. No manual que adquiri (ebay em inglês) referia que com um pulsão inclinado era só bater na beira da peça. No entanto esta medida revelou-se impropria porque na realidade ainda antes de chegar à peça existe um batente saliente que não permite essa execução. Por isso o procedimento deve ser encontrar um escopro que possa bater entre o batente e a peça para realizar a separação.
Não compreendo a utilização de esferas naquele local. A troca foi feita para um conjunto de rolamentos o qual me parece a melhor solução.
Na continuação da manutenção foram substituídos óleo do motor e filtro, filtro de ar, velas de ignição, calços travão dianteiro, pneu traseiro, líquido de refrigeração e óleo de travão da frente.
Em relação aos pneus não consigo encontrar uma solução duradora. Já coloquei várias marcas de pneus (DUNLOP, BRIDGESTONE, MICHELIN, METZELER) e ainda não encontrei o ideal para um piso 80% em asfalto.

Paulo Chaves

quarta-feira, 22 de maio de 2013

Décimo Aniversário Clube Motard Santa Maria

Hoje, dia 06-04-2013, pelas 17H30, realizou-se a comemoração do décimo aniversário do Clube Motard de Santa Maria Açores.

Eu a minha Transalp estivemos no evento. Sem dúvida uma jovem associação.

Dez anos pode parecer pouco mas para uma associação de cariz motard e integrada numa sociedade pequena é sempre algo de muito relevante.

Com planos de actividades ambiciosos ao longo dos anos e com muita interligação com a sociedade mariense mais especificamente no âmbito social, este clube tem demostrado que é possível ser-se diferente.

Hoje mais do que nunca gerir um clube/associação sem fins lucrativos é muito trabalhoso sendo necessário abdicar de muitas horas de lazer e de família para estar presente nos vários eventos que vão ocorrendo ao longo de todo o ano. Esta associação não se cinge só a umas voltas de mota aos Domingos.

Talvez pelo facto de estar inserida numa ilha faça com que olhe para outros caminhos e não só os do asfalto. Sim, porque esses serão poucos. No entanto, esta associação sempre foi diferente porque sempre quis demostrar que podemos ser diferentes ajudando os outros.

As colaborações vão desde da entrega de brinquedos a crianças mais desfavorecidas na época de natal, alguns cabazes de natal, a recolha de sangue (uma actividade com expressão Regional), visitas a várias instituições de solidariedade social existentes na ilha, presença em várias barraquinhas nas festas de verão existes na ilha e o apoio a várias instituições locais.

Tudo fiz para marcar presença nesta data tão importante. A cerimónia iniciou-se com a missa e bênção dos capacetes numa ermida que se encontra mesmo ao lado da sede. Este momento é sem dúvida muito importante para cada um dos motards presentes. Este momento marca cada um dos presentes.

Depois seguiu-se uma festa no bonito espaço exterior à sede da associação. Nesse local foi colocado um porco na brasa. Alguma bebida à mistura e muita boa música fez desse evento um evento muito participativo.

Desejo todos os sócios da associação a continuação de longos anos de existência e cheios de actividades.

Obrigado a todos quantos trabalharam para que esse dia fosse marcado mais uma vez de uma forma muito positiva.

sábado, 9 de março de 2013

Apresentação Concentração Motard Açores 2013

Tem sido um sucesso as concentrações motards nos Açores mais propriamente na ilha Terceira.

Infelizmente mais uma concentração vai passar e não vou puder estar presente com muita pena minha.

O mês escolhido tem sido o mês de Junho.

Apresentação Concentração Motard Açores 2013

Desejo aos organizadores e participantes tudo do melhor e que supere novamente as espectativas.

Paulo Chaves

terça-feira, 1 de janeiro de 2013

Feliz 2013.

Nada melhor do que iniciar um ano novo nos comandos de uma transalp!

Pois foi isso mesmo que fiz. Depois das 00H00 do ano antigo de 2012 e pelas 01H30 do ano novo de 2013 peguei na minha transalp e na companheira e fomos até à Praia Formosa, onde estava a decorrer uma Danceteria. O tempo estava muito nebulado, não chovia, mas com toda a precaução chegamos ao Lugar da Praia Formosa onde estivemos algum tempo.

Depois a Transalp já estava cansada de tanto esperar. Pelo que mais sobre a manhã voltamos a dar vida à Transalp num regresso a casa. O tempo continuava nebulado depois de atingirmos o Lugar do Brejo e com ele (tempo) viemos até à nossa residência.

Mas o dia não poderia acabar por aqui. Lá pelas 16H00 voltamos a rodar sobre a Transalp com vista a encontrar um fim de tarde magnifico em Santa Maria Açores, com um lindo pôr de sol sobre o horizonte. Nessa viagem inclui uma passagem pelo Lugar dos Anjos, onde o sol já fugia. No entanto no passeio fomos ao encontro do mesmo já junto à Ribeira Seca.

E assim se passou o primeiro dia do ano de 2013.

 

 

 

Paulo Chaves